alimentação e longevidade

Alimentação e longevidade: dicas para melhorar a sua qualidade de vida

25 de outubro de 2019 Por Casa Crescer

Saúde começa no prato.

Engana-se quem pensa que envelhecer é sinônimo de cansaço, dores e mal estar. Nós, da Casa Crescer, acreditamos no conceito da longevidade saudável.

Mais do que proporcionar uma maneira de nossos pacientes viverem por muitos anos, nosso objetivo é que eles sejam vividos com o máximo de alegria, disposição e qualidade de vida ao lado da família e amigos.

Hoje vamos conversar sobre alguns dos alimentos poderosos que podem ser incluídos no seu prato. Acompanhe e conheça mais sobre a sua alimentação e longevidade. 

Cúrcuma

Também conhecida como Açafrão-da-terra, a cúrcuma é foco de inúmeras pesquisas graças aos seus grandes potenciais terapêuticos e preventivos. 

Um estudo recente associou o consumo de cúrcuma com a melhoria da memória e do humor. 

A substância presente na cúrcuma é um conhecido anti-inflamatório e antioxidante, atuando até mesmo na prevenção de alguns tipos de câncer.

Substâncias que contenham o potencial antioxidante são capazes de combater a ação dos Radicais Livres em nosso organismo, amenizando a ação do envelhecimento precoce e nos protegendo contra uma série de doenças.

Crucíferas

Alimentos como brócolis, couve-de-bruxelas, agrião, repolho e couve-flor têm algo em comum: possuem um potencial excelente de proteção do nosso DNA. 

Um estudo identificou a capacidade das crucíferas no tratamento de diabetes tipo 2 através do auxílio no controle dos níveis de glicose no organismo.

Além dos ativos antioxidantes, as crucíferas contam com a presença de uma substância chamada Sulforano, capaz de estimular enzimas do nosso organismo que impedem a ação de agentes cancerígenos.

 

Licopeno

Outra substância antioxidante presente em vegetais e frutas de cor avermelhada: tomate, melancia, goiaba e mamão são exemplos.

Existem indícios de que o consumo frequente de alimentos que contenham Licopeno diminuem as chances de desenvolvimento de câncer de próstata e dos pulmões, assim como de tumores viscerais. 

O licopeno ainda possui a capacidade de retirar da nossa corrente sanguínea compostos oxidantes – extremamente nocivos à saúde – prevenindo o aparecimento de uma série de doenças.

Você já se perguntou se sucos são opções saudáveis para as crianças? Clique aqui e saiba mais. 

 

A melhor dica é o equilíbrio

Buscar incluir na dieta alimentos com poder antioxidante e anti-inflamatório é uma ótima maneira de auxiliar o organismo a combater os efeitos do envelhecimento celular.

Porém, é preciso lembrar que a alimentação deve conter todos os componentes que necessitamos para que as funções do corpo possam agir de maneira adequada: nutrientes, vitaminas e boas fontes de gordura e proteínas.

Ao mesmo tempo, buscar evitar alimentos excessivamente industrializados (como salgadinhos, frituras, fast food, sorvetes e refrigerantes) e açucarados.

Quer aprender a introduzir a alimentação de forma saudável para o seu bebê? Clique aqui e conheça nosso artigo sobre o assunto! 

Agora que você já conheceu mais sobre a sua alimentação e longevidade, compartilhe essa informação com seus familiares e amigos!

Manter uma alimentação saudável é o melhor presente que podemos oferecer ao nosso futuro: a oportunidade de evitar doenças e aproveitar a vida ao máximo, por muito tempo. 

Até a próxima,

alimentação e longevidade