Fabricante:
 ROTATEQ – MSD
Esquema vacinal:
  • 1º dose deve ser administrada no segundo mês de vida, a idade máxima é até 3 meses e 15 dias.
  • 2º dose deve ser administrada no quarto mês de vida, a data limite para aplicação da é 6 meses e 29 dias.
  • 3º dose deve ser administrada no sexto mês de vida, sendo que a data limite para administração é 7 meses e 29 dias.
  • Intervalo mínimo entre doses: 30 dias.
  • As crianças expostas verticalmente ao HIV e as infectadas podem receber a vacina, bem como as crianças que convivem com imunodeprimidos. (CRIEs)
Idade mínima:
42 dias de vida (6 semanas).
Idade máxima:
: 7 meses e 29 dias.
Indicações:
  • Indicada para prevenção de gastroenterite causada por 5 tipos de rotavírus em lactantes, quando administradas em uma série de 3 doses para lactentes entre 6 e 32 semanas de vida.
Contraindicações:
  • Bebês menores de 6 semanas, indivíduos com hipersensibilidade aos componentes da vacina como sacarose, citrato de sódio di-hidratado, fosfato de sódio monobásico monoidratado, hidróxido de sódio, polissorbato 80.
  • Imunodeficiência primária e ou secundária conhecida ou algum familiar, incluindo crianças com HIV positivo e recém nascidos de mães que usaram medicamentos que possam causar imunossupressão no feto durante a gestação:
  • Etanercepte Enbrel;
  • Infliximabe Remicade;
  • Certolizumabe Cimzia;
  • Golimumabe Simponi;
  • Após três meses de cessada a condição de imunodepressão o paciente pode utilizar vacinas vivas, bacterianas ou virais, na dependência de sua situação clínica. Essa condição praticamente exclui a vacinação contra rotavírus, devido à faixa etária restrita de indicação.
Reações adversas:
  • Diarréia, constipação, vômitos, febre, perda de apetite, irritabilidade, flatulência, dor abdominal, regurgitação de alimentos. 
Via de aplicação:
Via Oral  / atenuada

Baixe seus ebooks

Baixe seu health planner

E planeje sua saúde mês a mês: mais organização, menos gastos, muito mais qualidade de vida.

Vídeos que possam interessar