Dra. Renata Scatena dá dicas para fazer o bebê aceitar comida em pedaços (Portal Macetes de Mãe)

Compartilhe:

Share on facebook
Share on telegram
Share on twitter
Share on whatsapp

Você teve ou têm dificuldades para fazer o seu bebê aceitar comida em pedaços? O vídeo de hoje vai tratar esse assunto. Foi uma sugestão da seguidora Verônica que entrou em contato comigo e abriu seu coração compartilhando as dificuldades que estava passando com a alimentação do seu filho de quase 1 ano. Verônica me contou que, na época da introdução alimentar, como seu bebê estava abaixo do peso, a orientação médica foi de que o alimento fosse oferecido para ele de forma processada, ou seja, batido no liquidificador, deixando-o num estado bem cremoso, quase líquido.

Só que depois, quando seu bebê já estava com quase 11 meses, a Verônica passou a tentar oferecer os alimentos num formato mais sólido, com pedacinhos. E o que aconteceu? Seu bebê não aceitava de jeito nenhum!

Bom, como eu não entendo muito sobre o assunto, pois não passei por essa situação aqui em casa, fui buscar a ajuda de uma especialista. Assim, o conteúdo que compartilho hoje nesse vídeo é fruto de informações que me foram passadas pela Dra. Renata Scatena, pediatra, diretora da clínica da Casa Crescer e também colunista aqui do MdM.

Com certeza, você vai encontrar nesse vídeo, dicas bem úteis que poderão ajudar não só a Verônica, mas como muitas outras mães que estão passando pela dificuldade de fazer seus filhos comerem comida em pedaços.

 

Cuidados

Mesmo com a chegada da vacina da COVID, todos os esforços continuam necessários para que possamos cuidar de nós mesmos e cuidar dos outros.

Por isso, a gente, aqui da Casa Crescer, não pisca na hora de seguir cada protocolo de prevenção.

Não deixe de cuidar da sua saúde e da sua família. Venha em segurança e encontre um ambiente seguro.

Baixe seus ebooks

Baixe seu health planner

E planeje sua saúde mês a mês: mais organização, menos gastos, muito mais qualidade de vida.

Posts recentes

Quer saber primeiro?

Assine a nossa newsletter quinzenal e receba dicas sob medida

Outros também leram:

Ainda não conhece a Casa Crescer?

Entre em contato conosco agora.

adultos-perfil